WebMail  

Encontro de Avicultores revela os melhores em eficiência produtiva

19/01/2017 - 15:11:45  Cocari
Redação da C7 Comunicação


Premiar o desempenho dos integrados na atividade avícola é uma iniciativa da Cocari que chega à sexta edição. Realizado dia 16 de dezembro, em parceria com a Cooperativa Central Aurora Alimentos, o Encontro de Avicultores reuniu cerca de 400 pessoas, na Associação Atlética em Mandaguari, momento para comemorar os resultados alcançados ao longo do ano. 


Antes da entrega da premiação, dois representantes da Aurora discorreram sobre pontos importantes que garantem a qualidade da produção de aves, ressaltando que os detalhes fazem a diferença. 


Produção e exportação


Um dos convidados foi Gilmar Luís Gruber, gerente do abatedouro da Aurora em Mandaguari, que apresentou números da evolução da unidade industrial de aves, fazendo um balanço desde abril de 2015, quando passou a ser administrada pela Aurora. Conforme pontuou, o abatedouro tem, atualmente, 2.165 colaboradores, sendo que 65% são de fora de Mandaguari, se estendendo a 22 municípios da região. 


De acordo com ele, o abate da unidade industrial deve chegar a 170 mil aves/dia em janeiro. “No mês de novembro de 2016 registramos o maior volume de abate, e a intenção é de chegar aos 170 mil abates. Isso representa, em produtos acabados, uma média de 349 toneladas de produção por dia”, detalhou. 


Gilmar ressaltou que a demanda do mercado externo evolui a passos largos. “No mês de novembro foi alcançado o maior índice de exportação na unidade de Mandaguari, quando 50% da produção foi destinada para o exterior. Nossa meta é chegar a 60/65%, que é a realidade das outras unidades da Aurora”, garante.


O abatedouro de Mandaguari já tem habilitação para exportar para a União Europeia, Uruguai, Paraguai e Argentina. “E já estamos produzindo para a Rússia, África do Sul, Japão e Oriente Médio”, acrescentou. Ainda estão em andamento as habilitações para envio dos produtos para a China, Canadá e Singapura. Outro mercado que deve se abrir aos produtos brasileiros é o cubano, sendo que, recentemente, a unidade recebeu visita de uma missão daquele país.


Segundo o gerente, o maior mercado para o frango da Aurora continua sendo os Emirados Árabes. Seguido da Rússia, África do Sul e o Japão, que cresce gradativamente.


Resultado financeiro x qualidade do frango


A qualidade do frango, grande desafio do setor, depende de trabalho conjunto das áreas comercial, de produção e a industrial. “Na indústria precisamos receber o frango de qualidade. Se não for feito um trabalho em eficiência no campo, não há como melhorar essa qualidade na planta industrial”, observa. “O comercial tem de buscar opções para vender pelo melhor preço possível”, pondera.


Gilmar elencou uma série de investimentos na planta industrial, parte feita em 2016 e outra programada para 2017. “Para melhorarmos a produção e termos margem melhor, os investimentos na unidade de Mandaguari são da ordem de R$ 47 milhões. Até o fechamento de novembro, foram investidos mais de R$ 39 milhões”, declarou. Boa parte dos recursos aplicados se referem a pontos de adequação às exigências do mercado externo.


É possível, basta acreditar


Para finalizar, Gilmar convidou os integrados para visitarem a unidade. “É importante que o avicultor conheça os processos na indústria, até mesmo para entender que a qualidade é obtida no campo. E com cada um realizando a sua parte, faremos a diferença no resultado da produção”, reforçou. 


“Quero parabenizar os ganhadores e desejar que alcancem números cada vez melhores. Aos que não ganharam nesta edição, que possam se espelhar nos vencedores. Este bom resultado é possível, basta acreditar. Sonhar somente não resolve, tem de ter atitude para tornar o sonho realidade. Se alguns conseguiram, os demais também podem”, complementou.


Sem espaço para erros


Depois que o frango sai do campo, não se consegue melhorar a qualidade. Partindo dessa afirmação, o gerente de Avicultura da Aurora, Luis Carlos Farias, sinalizou, aos integrados e parceiros, pequenos erros que acontecem no aviário que comprometem a qualidade do frango e também provocam desperdícios, fatores que, somados, repercutem no retorno financeiro do avicultor e da cooperativa. “Economizamos gramas de ração. Uma economia de centavos vira milhões. É tudo em escala, pelo volume de abate que realizamos”, ressalta.


 “Este mercado não tem espaço para erros. Se o produtor comete qualquer deslize e não tem o processo nas mãos, perde também os centavos que virariam milhões no fim do ano. O grande custo está nas mãos de vocês, que é a produção do frango”, afirmou.


Diferencial reconhecido


Farias comentou sobre os treinamentos que devem ocorrer em 2017 visando melhorar o entendimento, o conhecimento dos integrados e, consequentemente, a qualidade do frango no campo, reiterando que essa qualidade é um diferencial da Aurora, reconhecido internacionalmente. 


“Gostaríamos que todos os produtores participassem das visitas ao abatedouro, para verem como funciona e entenderem que a condução dada nos aviários reflete no resultado da indústria”, analisou. Ele informou que estarão sendo organizados também grupos de mulheres para visitar a unidade. “Quando a mulher participa da propriedade, ajuda o marido, passando informação e aproveitando os ensinamentos, para que possam produzir cada vez melhor”, esclareceu. 


Um estímulo a mais


Sobre a premiação aos integrados da Cocari, Luis Carlos Farias enalteceu a iniciativa. “Essa comemoração acaba estimulando aos demais a buscarem por melhorias. Nesse mundo globalizado, tem que evoluir sempre, ficar mais competitivo, e conseguir concorrer com os outros países”, analisou.


“Quero dar os parabéns aos ganhadores, que eles continuem lutando para permanecer em primeiro lugar”, desejou. “Aos segundos, quero dizer que, se outros conseguiram, eles também podem conquistar. Que sigam bem as orientações do técnico para alcançarem os melhores resultados”, justificou. 


“E para quem não ganhou nenhum prêmio, que busquem ajuda da equipe técnica. Quanto melhor os produtores se saem, melhor a resposta no abatedouro, e todos ganham”, observou.


De olho na qualidade


Vilmar Sebold, presidente da Cocari, salientou aos integrados que as duas palestras com profissionais da Aurora foram de grande valia para melhorar a lucratividade e ressaltou que a qualidade dos frangos da integração Cocari tem possibilitado ganho acima da média para os avicultores. “O valor pago ao integrado vem crescendo ano a ano e chegou em 2016 a R$ 0,10 acima da média”, observou.


O presidente participa mensalmente da reunião com os demais presidentes das cooperativas filiadas da Aurora e disse alimentar o sonho de ver os integrados da Cocari entre os recordistas de produção. “O recordista é homenageado em Chapecó-SC, recebe um valor em dinheiro e um certificado. E eu tenho o sonho de ver um produtor nosso sendo homenageado com o melhor lote da integração”, afirmou. 


Sebold alertou que ter o desempenho classificado como pior, médio ou melhor, depende de atitude. “A Aurora tem milhares de aviários, faz cálculos comparativos entre eles e emite mensalmente uma relação com o nome de todos os integrados, sinalizando os que estão com produção acima da média; os que estão um pouco abaixo, mas próximos disso; e aqueles que estão em estado de atenção”, apontou. 


Ele destacou que a integração Cocari tem diversos aviários que são referência, mas anunciou que a partir de 2017, para o integrado que estiver em estado de atenção, será feito um plano para identificar em que fase do processo está ocorrendo problema que justifique a queda na qualidade, e para saber o que fazer para melhorar. 


Futuro


Com os olhos no futuro, o presidente Vilmar Sebold reiterou que o objetivo é alcançar a duplicação da unidade, planejamento que a Aurora vem dando andamento. “A unidade tem atualmente cerca de 2.200 colaboradores, e quase nove mil pessoas que trabalham de forma indireta. E a duplicação vai gerar oportunidades para o agricultor e empregos no frigorífico. Como imaginar nossa região sem esse abatedouro?”, indagou. “Como será que estaria a nossa região sem esta iniciativa? Como estaria o comércio? O que teria acontecido com tantos cortadores de cana? Acredito que o tempo trará a real consciência da importância deste empreendimento para o Vale do Ivaí”, concluiu.


Experientes e novatos entre os melhores de 2016


Uma mescla de avicultores experientes e novatos dividiu as atenções no VI Encontro de Avicultores da Integração Cocari. Um sinal de que qualidade é o foco de todos e que os trabalhos estão sendo bem conduzidos para esse objetivo. 


O vice-presidente da Cocari, Dr. Marcos Trintinalha, falou da satisfação em poder ver os integrados que estão na atividade desde o início se dando bem. “É muito satisfatório ver as pessoas que acreditaram nessa caminhada de construção da nossa integração entre os melhores em eficiência produtiva. E poder comemorar e valorizar aqueles que conseguem ter resultados melhores é muito gratificante”, destacou. 


“Nós tínhamos um sonho, que era construir uma das melhores integrações, e conseguimos”, relatou. “Reunir os primeiros integrados e os que se juntaram a nós no meio do caminho, para participar dessa bela integração, é motivo de orgulho”, completou o vice-presidente. 


Dr. Marcos aproveitou a ocasião para deixar sua mensagem aos cooperados, no encerramento de mais um ano. “Desejo que continuemos juntos, que Deus possa abençoar as famílias, todos os lares e que consigamos fazer com que 2017 seja melhor do que 2016. Temos muito o que caminhar, muito por fazer, mas temos boas perspectivas”, disse. 


“E os cooperados podem contar com a Cocari para a continuidade e aprimoramento dessa parceria, com a luta constante para que consigamos fazer a duplicação do abatedouro, e com o dobro da capacidade, possamos melhorar também a participação de nossos integrados e de seus aviários”, reforçou.

Últimas Notícias

 
COOPERATIVISMO IMPRENSA
 
RECURSOS HUMANOS CONTATO
 
 
COCARI
COCARI - Cooperativa Agropecuária e Industrial
Rua Lord Lovat, 420 - Jardim Esplanada
CEP: 86975-000 - Mandaguari - PR
Fone: (44)3233-8800
Entre em contato conosco
Copyright © 2015 COCARI - Todos os direitos reservados